July 14, 2016

p2 Emotions in 3D Made in Luxembourg Bomdia.lu

SEXTA, 21 SETEMBRO 2012 17:38   

MoodMe: Emoções em 3D Made in Luxembourg
Luxemburgo

moodme_image

Chandra de Keyser é um personagem. Quando o conhecemos pela primeira vez apercebemo-nos de que é uma daquelas pessoas que revela de imediato uma mistura explosiva de características empreendedoras e comerciais.

Chandra é o fundador e líder da MoodMe, uma aplicação online e móvel 3D que vai mudar a forma como as pessoas partilham emoções no mundo digital. Imagine tirar uma fotografia à sua cara, carregá-la na aplicação e vê-la transformada em versão 3D pronta a refletir o seu estado de espírito. Parece simples, não é? É no entanto muito complexo.

Milhares de horas de código foram já investidas para criar os 200 pontos de referência que o sistema calcula a partir dos olhos, sobrancelhas, nariz e boca. Para ter uma visão mais clara do que estamos a falar pode experimentar com uma fotografia sua nesta versão de demonstração.

A MoodMe quer naturalmente conquistar o mundo, começando já dentro de poucas semanas a partir do seu telemóvel e da sua imagem de perfil no Facebook. O mercado potencial é enorme se considerarmos que a partilha de emoções pode um dia substituir mensagens escritas e a sua atualização de estado no Facebook. Celebridades, futebolistas e organizações podem vir a ser os primeiros alvos da empresa para a rentabilização de uma aplicação que, apesar de ser dirigida aos consumidores está a fazer as suas primeiras vendas no mercado empresarial.

Protegida por patentes internacionais, a MoodMe opera a partir do Luxemburgo com uma equipa multicultural sedeada na incubadora de empresas Technoport em Belval (LU) e com sócios e colaboradores dispersos por Itália, Reino Unido e Brasil. A base de investidores da MoodMe é também internacional com 100 mil euros de investimento recebido por parte de “business angels” do Canadá, Alemanha, França e Itália que vieram somar aos mais de 200 mil euros investidos pelos fundadores.

Focando-nos de novo em Chandra – belga de origem que se considera “um cidadão multicultural da nave espacial Terra” e que fala sete línguas incluindo português – este prepara a sua mala para voar em direção aos Estados Unidos no início de Outubro.

A MoodMe foi selecionada pelo governo luxemburguês para beneficiar da parceria assinada no ano passado com o Plug & Play Tech Center de Silicon Valley e Chandra vai estar lá durante pelo menos 3 meses à procura das oportunidades certas para ganhar raízes nesse mercado onde ele acredita ser possível encontrar os investidores de risco que a empresa precisa para se tornar visível no mercado digital.

O objetivo de Chandra é no mínimo chegar à 1ª posição mundial das aplicações com mais downloads e se ele assim o diz, eu acredito.

Luís Galveias

(Veja o vídeo de demonstração MoodMe e saiba mais em https://www.facebook.com/MoodMe.biz)

Subscribe to our newsletter
No Thanks
Thank you for subscribing to our newsletter!
By consulting our website, you accept the cookies which are necessary for navigation.
Don't miss out. Subscribe today.
×
×
WordPress Popup Plugin